sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Run Cinderella, Run.

Lá estava ele.

Lá estava ela.

Ela não era a Cinderella, ela era a vadia da rua de baixo.

Ele passou de príncipe para sapo.

Cinderella estava sentada na mesa do outro lado do café, tentava descontrair com seus amigos, mas hora ou outra seus olhos seguiam para a mesa deles.
Se sentia humilhada.

Cinderella perdeu o príncipe para a garota mais popular, mais bonita e mais inteligente que uma simples Cinderella de papel.

Ainda eram cinco da tarde, mas parecia meia noite: O encanto se desafazia por completo, e provavelmente para sempre. O príncipe não correria atrás do sapatinho, ele não se importava.

Cinderella de papel sorria, fazia a linha "eu não estou nem aí", quando dentro de seu peito seu coração estava em pedaços.

Deu uma desculpa a seus amigos e caiu fora, correu para o metrô, não olhou para trás.

Não deixou rastros.

Nenhum sapatinho esquecido nas escadarias de São Paulo.

5 comentários:

  1. Infelizmente, essa é uma realidade bem presente na vida dos adolescentes.
    Beijos
    clandestina-a-bordo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Ficou lindo o texto! Sério, você escreve muito bem. Mesmo triste, eu adorei!
    E amei o seu blog, seguindo! Retribui? :3
    Beijocas!

    PiinkCookie.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, fiquei feliz feliz com seu comentário!
      Obrigada por seguir, amei seu blog e já estou seguindo.
      Beijos

      Excluir
  3. Adorei o texto, foi meio triste mas falou a verdade, hoje em dia é assim.

    http://l-ovelythings.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá linda tem tag lá no blog pra você, esta muito legal vale a pena responder!
    Bjus tenha uma ótima semana!
    http://adoraveisvicios.blogspot.com.br/2013/01/fui-tageada-ui.html

    ResponderExcluir

© CAPRICATI © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. DESIGN E PROGRAMAÇÃO POR DESIGNLC. imagem-logo